sexta-feira, 20 de agosto de 2010

Uma homenagem aos bravos “Soldados da Paz” do Peso da Régua

Que mais será preciso dizer?
Por: Rodrigo Félix Nogueira de Carvalho*

Quando a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários do Peso da Régua celebra o seu PRIMEIRO CENTENÁRIO, que mais será preciso dizer do que o que já tem sido dito por tantas e tão ilustres personagens, melhor conhecedoras do seu historial, onde avultam gigantescos esforços e abnegadas acções que lhe permitiram vencer e chegar, de fronte erguida e com a satisfação do dever cumprido, ainda que por sinuosos e difíceis caminhos, até estes nossos dias, tão conturbados e tão dominados pelo materialismo?

Que mais será preciso dizer da consciência cívica revelada, em tão elevado grau, pelas sucessivas gerações que serviram o seu CORPO DE BOMBEIROS, onde souberam ser sublimes no ataque ao fogo e intemeratas perante o perigo, ao mesmo tempo que discretas na sua bravura, estóicas na sua temeridade, modestas no seu altruísmo e humildes na recepção de honrarias?

Sim. Que mais será preciso dizer dos que, no exímio cumprimento do dever que a si próprios voluntariamente impuseram, vieram a perecer em defesa dos que algum dia viram as suas vidas e bens em risco de se perderem, inscrevendo os seus nomes, a ouro, entre os dos heróis do VOLUNTARIADO e legando a sua glória como nobre exemplo a apontar aos vindouros, com justo orgulho?

Não sei.

Não sei, nem, conhecedor das minhas limitações, certamente o saberia dizer se, acaso, tanto fosse ainda necessário.

Assim, nesta hora de júbilo e felicidade, muito singelamente, desejo apenas prestar a minha homenagem aos bravos “Soldados da Paz” da encantadora e hospitaleira vila do Peso da Régua, agora a servir de sala de visitas do distrito, no XXIV Congresso Nacional dos Bombeiros Portugueses, não só pelo que ao longo de todo o caminho percorrido souberam realizar, mas também pela certeza que me acompanha de que irão prosseguir na rota do progresso e da causa humanitária a que se votaram e já tanto prestigiaram.
E a esta minha modesta e singela homenagem eu quero juntar uma outra, vibrante e grandiosa, dos BOMBEIROS DO DISTRITO, entre os quais dos Voluntários de Vila Real e Cruz Verde, que, porque irmanados pelo mesmo sublime ideal, se afirmam presentes e felicitam os seus companheiros neste limiar de um novo século ao serviço da Humanidade.

Parabéns, pois, e honra aos VOLUNTARIOS DO PESO DA RÉGUA para honra e glória dos BOMBEIROS DE PORTUGAL.
* Antigo Presidente da Federação dos Bombeiros do Distrito de Vila Real e da Presidente da Direcção da AHBV de Vila Real e Cruz Verde.

Notas:
  1. Em memória do Sr. Rodrigo Félix deve dizer-se que começou como dirigente da AHBV de Vila Real e Cruz e Verde, sendo eleito Secretário da Direcção em 23/3/1957, onde se manteve até ser eleito Presidente da Direcção; em 20 de Janeiro de 1975 é eleito Presidente da Direcção, onde se manteve até 19 de Janeiro de 1996; em 20 de Janeiro de 1996 é eleito Presidente da Assembleia-geral, mantendo-se nessa função até ao seu falecimento em 15/2/2005; fez ainda parte do Conselho Geral da Associação por inerência do cargo de Presidente da Assembleia-geral; foi um dos fundadores da Federação dos Bombeiros do Distrito de Vila Real, criada em 15/9/1978, sendo eleito seu primeiro Presidente de Direcção, onde esteve durante vários mandatos; foi Membro da Assembleia de Delegados da Liga dos Bombeiros Portugueses; fez parte dos Órgãos Sociais eleitos da Liga dos Bombeiros Portugueses e foi Conselheiro Regional da Inspecção Regional dos Bombeiros do Norte.
  2. Este seu magnífico texto encontra-se publicado na revista comemorativa do 100º Aniversário da AHBV do Peso da Régua, publicada em 1980. As fotografias registam algumas das cerimónias dos bombeiros da Régua – a festa despedida do Comandante Cardoso, a tomada de posse do Comandante Fernando Almeida e a imposição de uma medalha de mérito num bombeiro – que tiveram lugar no Quartel Delfim Ferreira, onde o Sr. Rodrigues Félix interveio na sua qualidade de Presidente da Direcção da Federação dos Bombeiros do Distrito de Vila Real.
 - Colaboração de José Alfredo Almeida*, Peso da Régua, Agosto de 2010.
  • *José Alfredo Almeida é advogado, ex-vereador (1998-2005), dirigente dos Bombeiros Voluntários de Peso da Régua entre outras atividades, escrevendo também crónicas que registram neste blogue e na imprensa regional duriense a história da atrás citada corporação humanitária, fatos do passado da bela cidade de Peso da Régua de onde é natural e de figuras marcantes do Douro.
Jornal "O Arrais", Sexta-Feira, 24 de Dezembro de 2010
Uma homenagem aos bravos “Soldados da Paz” do Peso da Régua - Que mais será preciso dizer?
(Dê duplo click com o "rato/mouse" para ampliar e ler)
Uma homenagem aos bravos “Soldados da Paz” do Peso da Régua

Nenhum comentário: