sexta-feira, 7 de março de 2014

Diversificando - Olhares do meu final de semana...

Clique na imagem para ampliar. Imagem original daqui.
.
Olho e não me canso de olhar...
algures a violência mata,
ali o mundo violenta,
acolá a doença deprime,
além os homens destroem,
os pobres sofrem,
as mães estendem a mão,
e os humildes choram,
e em qualquer canto os demagogos lideres afrontam...
e os vaidosos humilham.
Mas eu olho... não canso de olhar,
tento encontrar o belo,
o ensejo para a vida,
a razão para continuar a olhar...
.- J. L. Gabão, 23 Ago 08.
... e continua o olhar
vibra a noite
entre estrelas e luar;
chove a noite
entre saudade e o canto.
Olhar transgride
absorve duas noites:
estrelas, lua, saudade e canto;
vibram e chovem
espiam vida.
- Maisa, 24Jan08.

4 comentários:

Deusa Odoyá disse...

Olá meu novo amigo do lado de la´.

vim conhecer seu blog.
Muito bem elaborado e com um poema muito lindo , e sentido.
Um país muito pobre e sofrido.

beijos e fique na doce paz do seu coração.

Sua nova amiga.

ReginaCoeli.

Te aguardo em meu cantinho.

gotaelbr disse...

Obrigado Regina. A demora na retribuição de sua visita é involuntária. Este blogue ainda está na fase de "testes" para ver se valerá a pena sua continuidade e por isso minha atenção ainda não se centra aqui. Peço descupas.
Abraço.

artista sem pena disse...

Gostei do belo uso das palavras!

JAIME disse...

Obrigado amigo.